Conta de luz ficará mais cara em 2021. Entenda o que afeta as cobranças por energia elétrica

Segundo Aneel, valores das contas vão aumentar para cobrir prejuízo causado principalmente pela falta de arrecadação por meio de bandeira tarifária em 2020

SÃO PAULO – Em 2021, as contas de luz ficarão mais caras. O consumidor brasileiro já estava enfrentando aumentos nas suas contas de energia elétrica desde dezembro – e o acréscimo vai continuar por mais alguns meses.

Leia mais

A nova era da automação inteligente nas concessionárias de energia

Modernização da medição permite realocar pessoas para atividades mais inteligentes e produtivas

A medição do consumo de energia, realizada por meio de visitas mensais de funcionários das concessionárias em todos os imóveis, começa a ganhar um novo formato. Além das evoluções tecnológicas do setor, o sistema de telemetria inteligente é importante também, nesses tempos que vivemos, para preservar a saúde dos funcionários e dos clientes, garantindo o fornecimento de eletricidade e adequando-se a novos padrões de consumo decorrentes da adoção do home office e do home school de forma maciça.

Leia mais

Octavio Brasil participa de transmissão ao vivo na Light News, comentando sobre Medição Individualizada.

Marco Aurélio Teixeira, Especialista em Medição de Consumo de Água, fala sobre as possíveis soluções para evitar vazamentos e desperdício de água especialmente em tempos de estiagem.

Medição individualizada de água podem ajudar o Brasil a ser mais sustentável

 

Soluções tecnológicas de medição individualizada e dispositivos de redes inteligentes podem ajudar o País a melhorar o gerenciamento da distribuição e o consumo de água no médio e longo prazo.

Um novo estudo do Instituto Trata Brasil aponta que os impactos das mudanças climáticas e do desenvolvimento econômico e demográfico vão fazer com que a demanda por água potável cresça 43,5% por cento até 2040 em todo o Brasil.

Segundo o relatório do estudo, o consumo no território nacional deve atingir 14,299 bilhões de m³ em 2040, o que representa um aumento de 2,837 bilhões de m³ se comparado a 2017.

O estudo foi criado para preparar as gestões pública e privada para melhor projetar a utilização da água durante as próximas décadas, uma vez que se trata de um recurso cada vez mais escasso.

Dados de 2018 do SNIS (Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento) mostram uma situação preocupante no uso da água no Brasil: 40% da água potável é perdida por conta de vazamentos e falta de precisão na medição, gerando um custo de R$ 12 bilhões por ano para o setor.

Medição individualizada da água como solução para o futuro
Tecnologias de medição individualizada são hoje opções disponíveis para a economia e o consumo inteligente do recurso e podem ser implementadas tanto no segmento corporativo quanto no doméstico.

Leia mais

A medição do consumo de energia, água e gás, por meio de visitas mensais de funcionários das concessionárias, em todas as casas e ruas, começa a chegar ao fim. Principalmente para as distribuidoras de eletricidade, que suspenderam temporariamente esta atividade por causa da epidemia de covid-19, passando a cobrar pela média de consumo dos meses anteriores, ou com base na auto-leitura, contando com a ajuda do próprio cliente para informar a leitura do seu medidor.

Essa evolução tecnológica já era prevista com a chegada da “Tarifa Branca” – modelo de cobrança por faixa horária de consumo, para a qual a distribuidora é responsável pela instalação de um medidor eletrônico inteligente. A implementação prática dessa modalidade tarifária é prevista para ocorrer a longo prazo, uma vez que o entendimento e a adesão dos consumidores constituem um processo gradual, e que os custos envolvidos na aquisição e implantação dos novos equipamentos são de responsabilidade das distribuidoras.

Leia mais

O que era experimento de P&D, hoje preserva vidas. Este poderia ser, sem exagero, um slogan provável para valorizar a promoção de recursos tecnológicos destinados à implantação de redes inteligentes nas companhias de distribuição de eletricidade.

Porque em seu planejamento, nem no mais delirante cenário, as empresas iriam imaginar que seriam obrigadas a pensar duas vezes, ou mais, antes de despachar equipes para atender ocorrências rotineiras em suas redes.

Essa não é mais uma decisão trivial. Com a pandemia de Covid-19, técnicos que estão na linha de frente das operações em campo, passaram a correr risco mortal de contrair uma doença extremamente perigosa e precisam ser resguardados.

Leia mais

Pandemia acelera modernização de relógios medidores de distribuidoras

 

A pandemia de Covid-19 e a restrição na circulação das equipes de companhias de distribuição nas ruas pode representar um novo incentivo para que o setor de distribuição promova a digitalização dos seus relógios medidores.

O tema entrou em foco novamente após a Resolução Normativa 878 da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), publicada no final de março. Entre as medidas voltadas à proteção dos trabalhadores do setor elétrico, há a previsão de que, enquanto durar a pandemia, as distribuidoras possam optar por mandar seus leituristas aferirem medições em horários alternativos, ou simplesmente não enviá-los.

Leia mais

Gastos com energia e água podem aumentar durante quarentena

 

A permanência das pessoas em casa por causa do isolamento social deve aumentar os gastos e as contas de energia elétrica para as famílias, sobretudo daquelas que estão em regime de home office. Outro recurso fundamental e que deve ser intensificado nas residências é o uso da água.

A quarentena é uma boa oportunidade para repensar os hábitos de consumo desses dois recursos essenciais para o cotidiano das pessoas.

Leia mais

Concessionárias recorrem à automatização durante quarentena

A empresa que fornece os equipamentos para leitura remota do consumo energético nos locais que possuem medidores eletrônicos, CAS Tecnologia, anunciou que está liberando gratuitamente o acesso de todas as distribuidoras a um de seus softwares de gestão de dados, para que os técnicos possam dar mais atenção às situações de exceção neste período de isolamento social.

Segundo a companhia, a ferramenta automatiza tarefas repetitivas, como a configuração dos seus módulos de comunicação dos equipamentos de medição, que se manterão programados. Com isso, os colaboradores responsáveis por essa constante checagem de dados, que também estão trabalhando de forma diferenciada e fora dos escritórios, podem focar mais em situações que saiam da normalidade, neste período de constante trabalho e equipes mais exigidas.

Além do desafio de manter em funcionamento um serviço essencial em meio ao trabalho remoto, Octávio Brasil, Marketing Manager na CAS Tecnologia, afirma que a empresa teve esta iniciativa ao constatar a importância, nesse momento delicado, da atuação das equipes e das variações nos dados de consumo. Para ele o setor de distribuição de energia tem administrado uma situação diferente em relação ao seu padrão normal, com um grande número de pessoas trabalhando em casa durante todo o dia, alterando a demanda por carga na rede entre os diferentes períodos do dia.

“O objetivo é contribuir com algo útil neste momento, como a liberação dos analistas de algumas tarefas repetitivas para atenderem necessidades mais imediatas nos processos e no sistema de distribuição de energia”, completa Octávio.

Enel anuncia seguro covid-19

Já com foco nos recursos humanos, o Grupo Enel estabeleceu uma apólice de seguro para cobrir seus mais de 68 mil funcionários em todo o mundo em caso de hospitalização por conta da Covid-19. Segundo a companhia, a medida proverá benefícios adicionais além daqueles oferecidos por todas as outras apólices de seguro e formas de assistência médica já disponíveis para os colaboradores do grupo. A ferramenta, desenvolvida em colaboração com a empresa Aon SpA, foi ativada imediatamente em todos os países onde a Enel atua.